0

Vida em Transição #4 – Energia e Serviços

Como os últimos artigos desta colecção andaram à volta da comida, mudo agora para outro tema importante: energia (e serviços relacionados).

Ao longo destes últimos meses temos feito várias experiências e observações e finalmente algumas mudanças para tentar reduzir a pegada ecológica e também ter uma casa mais económica :)

Água

O desperdício da água enquanto se espera que aqueça sempre nos fez confusão. Especialmente para quem tem a casa de banho longe do esquentador, o que faz com que a água demore ainda mais tempo a chegar. Usamos um balde para apanhar a água fria, que depois é usada na sanita em vez do autoclismo.

Mas uma das maiores poupanças no nosso consumo de água foi mesmo a máquina de lavar loiça. Talvez tenhamos maus hábitos de lavagem manual, mas o certo é que tivemos uma redução significativa na conta da água a partir da altura em que introduzimos a máquina. E não nos podemos reduzir apenas a contar números. O facto de termos libertado HORAS de esfreganço de pratos e tachos é um benefício incomparável :)

Gás

Não temos a possibilidade de ter gás canalizado na nossa rua, por isso continuamos a depender da garrafa. Há coisa de meio ano fizemos a troca para o gás Prio e nunca mais olhamos para trás. A garrafa leva menos, mas também é mais leve e mais barata. 17,50€ em vez dos habituais 24€ (aprox) da Galp. E um benefício extra, o gás é propano. Sabiam que o butano(da galp e da maioria) nunca se gasta a 100%? A parte final do gás fica líquida e depois não sai da garrafa. Isto é especialmente relevante em zonas frias onde o gás fica mais líquido rapidamente. O propano garante que se gasta 100% do gás, nada de desperdícios :)

Electricidade

1800129259timer switch 1Para a parte eléctrica usamos um potenciómetro para medir os gastos de qualquer tomada e ver assim a média de consumo de diversos equipamentos ou electrodomésticos. Não temos assim tanta coisa como numa “casa normal” onde se possa cortar, ainda assim, estamos a usar um destes aparelhos que não sei o nome, mas que servem para desligar e ligar a electricidade a horas específicas. Assim, das 23h às 7h da manhã a electricidade fica automaticamente cortada para a TV, telefone e Internet.

A grande mudança, essa sim, foi no fornecedor de electricidade. Vendo bem, ainda é difícil perceber porque tanta gente continua com a EDP. Por outro lado, é fácil de perceber: trata-se da habitual resistência/letargia à mudança para algo diferente. Vendo uma simulação básica e a tabela de preços dos vários concorrentes, não encontramos razão para permanecer na EDP, que é – aliás – uma das mais caras.

A cereja no topo do bolo foi ter descoberto a YLCE – que para além de ser a mais barata de todas, é uma empresa da Covilhã e 100% nacional :)

A mudança ainda está a ser feita, por isso para já ainda não há feedback a dar, excepto que o processo de mudança foi super rápido, grátis e fácil (tudo online).

0

Vida em transição #3: A Salamandra

Todos os permacultores devem estar certamente familiarizados com o famoso diagrama da galinha. É um exemplo comum da análise dos inputs/outputs e características de um elemento dentro de um sistema. Muito útil para se planear e optimizar funções :) Aqui em casa não há galinhas, mas neste inverno temos uma salamandra :) E os usos vão muito mais além do óbvio aquecimento, por isso resolvi fazer um diagrama semelhante: salamandra É um elemento muito produtivo, se a utilização for bem optimizada :) E para as cinzas, aposto que não conheciam nem metade dos usos que se lhe podem dar, desde fertilizante para plantas a produtos de limpeza e higiene! Ora vejam aqui: 30 uses for wood ashes, you never thought of.