chega de tretas

Conspirações: Aqui está um assunto que nunca incluí publicamente num blog, mas é impossível não o fazer, pois o ridículo da situação exige que se fale e se exponha as mentiras que estão a ser metidas nas cabeças das pessoas.

Estou a falar, claro, da bomba na maratona de Boston que todos ouvimos falar no passado dia 15. A história como é contada:

  • Maratona na cidade de Boston
  • 2 jovens fazem bombas caseiras com panelas de pressão, levam-nas dentro de mochilas às costas, deixam-nas em 2 locais e saem antes de as explodir
  • As explosões matam 3 pessoas, mais de uma centena de feridos e um caos e tragédia na rua
  • Os EUA mobilizam imensas tropas numa caça-ao-homem como nunca visto, o primeiro é apanhado morto, e segundo é apanhado um pouco mais tarde, ainda vivo.

Ora, para quem esteja menos atento e habituado a papar o que os telejornais mostram, isto foi mais uma tragédia que quase traz a lágrima ao olho. Coitadinhos dos EUA sempre a sofrer com os terroristas, certo?

Para quem já anda nestas andanças há alguns anos, estes “acontecimentos” cheiram mal… muito mal.

Poderia fazer aqui uma análise extensiva da quantidade de mentiras e distorções nesta história muito mal contada, mas isso levaria imenso tempo. Para quem estiver mesmo curioso, há imensos sites que o estão a fazer. Deixo apenas alguns pontos interessantes para se questionarem:

  • Porque razão estava uma simulação de bomba a acontecer no mesmo dia, hora e cidade? (para quem não sabe, aconteceu o mesmo nas bombas do metro de londres)
  • Porque estavam mais de 10 membros da Craft Internacional (aka BlackWater, aka: mercenarios sem escrupulos para todo o tipo de trabalhos sujos) presentes na maratona de Boston?
  • Porque é que desapareceram depois das explosões?
  • Porque é que foram falar com a carrinha do FBI?
  • Porque é que após as explosões os polícias não fazem nenhum? Porque é que se vêem dezenas de paramédicos/enfermeiros a correr de um lado para o outro mas quase nenhum faz nada? Em vez disso vemos apenas civis a ajudar?
  • Porque é que numa emergência de tal dimensão (supostamente) deixam as ambulâncias a centenas de metros e levam as pessoas em macas e cadeiras de rodas? (olha que pose para a câmara!!)

Passemos para os suspeitos:

  • Porque é que poucas horas depois das explosões os EUA deportaram um suspeito da Arábia Saudita e nunca revelaram nada sobre ele?
  • Porque é que o FBI mentiu descaradamente ao pedir a ajudar a identificar os suspeitos, quando há mais de 5 anos que tinha contacto com ambos?
  • Porque é que os vídeos de segurança que provam que foram eles a deixar as mochilas não são mostrados? (na verdade, há fotos que provam que o 2º suspeito saiu da cena com a mochila nas costas)
  • Como é que a mochila usada para a explosão é preta com listas cinzentas, quando as dos dois suspeitos têm cores diferentes? (mas as dos agentes da Craft são exactamente iguais?)
  • Como é possível que os EUA mobilizem 15-20.000 (vou escrever por extenso, quinze a vinte MIL agentes) para encontrar 2 jovens que fazem bombas em panelas de pressão? Isto é tipo de mobilização de um ataque armado ou algo do género…
  • Como é que o primeiro suspeito se entrega de livre vontade e nú (há fotos que provam) e é “apanhado morto”?
  • Como é que o segundo suspeito é apanhado de boa saúde (ele próprio se entrega), e agora está em estado crítico?
  • Como é que o segundo suspeito apanhou um “ferimento grave na garganta e poderá não voltar a falar”? (que conveniente….)

Vamos só mais um bocadinho à cena do crime

  • porque não há fotos de pregos ou outros estilhaços dos danos feitos pelas bombas?
  • como é que houve tanta carnificina e não se vê pedaços de membros espalhados em lado nenhum? (houve apenas um pé numa foto, que apareceu via copy-paste numa 2ª foto em posição diferente)
  • como é que os vidros da loja partem e caem para fora, contra a força explosão?
  • Onde estão, nas fotos dos segundos-após-a-explosão, as *centenas* de feridos? Consigo ver meia dúzia deles
  • como é que no local da bomba 2, a bomba explode mesmo junto às grades, mata um miudo de 8 anos e não consegue nem amachucar uma caixa de correio? se calhar o exército devia pensar em usar caixas de correio assim… para revestir tanques…
  • Porque é que as fotos da desgraça estão todas tão bem tiradas, com óptima resolução e enquadramento? Daquele tipo que dá mesmo para fazer capa de revista e passar uma mensagem forte. Vou-vos poupar também nas análises à quantidade inacreditável de photoshop que houve, mas fiquem com esta:

boston-marathon-copsEsta foto é brutalíssima pela imagem fantástica que passa. Chamamos-lhe de “Hero Cops”. Polícias em autênticas poses de super heróis, dignas de um livro de banda desenhada ou algo do género. Pena nunca ter acontecido tal como está aqui e o photoshop estar muito mal feitinho… (ai os ângulos daquelas sombras…)

Claro que, há sempre quem venha com “ai mas houve tanta gente ferida e um pobre coitado até ficou sem pernas”. Essa também dava para grande discussão, mas vamos resumir: (e isto são argumentos dados por um profissional de emergência médica)

  • O corpo humano tem 5-6 litros de sangue. Com o desmembramento de uma perna, a exposição de uma das principais artérias do corpo iria sangrar violentamente dando à vitima 1 ou 2 minutos de vida.
  • Não só uma situação destas deixaria o local inundado de sangue, como a vítima estaria em estado de choque, ou incosciente, com vómitos, etc…
  • Pode ser aplicado um torniquete que estanque a hemorragia, mantendo o membro em posição vertical (para cima) para diminuir a pressão do sangue.
  • Nas famosas fotos da nossa vítima, vemos o recém desmembrado relaxado no chão, praticamente sem sangue.
  • Mas que triagem é esta, srs enfermeiros?? Vemos que é prestada assistência a pessoas com uns arranhões, quando esta emergência média é esquecida……..
  • …..para ser salva por um patriota que leva uma bandeira dos EUA e um chapeu de cowboy?!?!?
  • O nosso cowboy, é ainda capaz de lhe aplicar o torniquete e salvar-lhe a vida, sem sequer sujar a camisola com sangue….
  • E não era suposto a perna ficar virada para cima para minimizar a hemorragia? Não arranjaram uma maca ao pobre coitado, teve que ser de cadeira? E mesmo assim vai consciente e cheio de força…
  • O enfermeiro deixa as luzes da ribalta para o cowboy e limita-se a  acompanha-lo. O cowboy por sua vez agarra heroicamente na arteria do nosso ferido… o que dá mais uma bela foto

jeff-baum-wheelchair-view-boston-bombing

Espera lá, mas não deveria haver um rasto de sangue???

Enfim, podia continuar aqui por mais umas horas, mas como disse, há muito material por aí, se tiverem curiosidade, investiguem.

Só escrevo isto porque é cada vez mais preocupamente a facilidade com que estas mentiras são postas nas cabeças das pessoas e as suas liberdades lhes são retiradas. (nota, nestes últimos dias em que tivemos as bombas em boston e a explosão da refinaria no texas, foram passadas 3 leis importantes e controversas: CISPA, NDAA e Monsanto Protection Act).

Boston é só mais uma para a lista, junta-se ao “massacre”(inexistente) da escola elementar Sandy Hook em Dezembro passado, entre outros…

Estejam atentos!

actualização: chega de tretas – parte 2 (vídeo demasiado bom para não ser partilhado)

(e agora resume-se a programação habitual deste blog :) )

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s